Explore

Cerejices

o que as cerejinhas vão dizendo ao longo dos dias

Cerejices

Cerejices #78, 79 e 80

3 Fevereiro, 2017

Do ouvido musical: De manhã, ouvimos a rádio comercial quando o pai cerejo não vai e a antena 1 quando o carro vai cheio. Estava a dar esta música. L – Mamã, esta música está a dizer assi: “Quero ir ao Atrium, quero ir ao Atrium”. Experimentei cantar o refrão como ela inventou e não é que batia certo no tempo e ritmo?   Vasco Palmeirim, desculpa lá,…

Cerejices Sobre nada

Cerejices #74, 75, 76 e 77

16 Outubro, 2016
por_do_sol

Das conclusões evidentes: L – Papá, onde é que aprendeste a cozinhar? Foi no masterchef?   Ahahahah…o masterchef de quem vai viver sozinho 😉   Na hora do almoço, com o cerejal cheio de fome e todos a pedirem comida: Eu – Calma, não consigo servir as duas ao mesmo tempo. L – Só se fosses um polvo!   Bem visto, miúda…se bem que às vezes já me…

Cerejices

Cerejices #69, 70, 71, 72 e 73

30 Agosto, 2016

Da capacidade de argumentação Elas estavam a brincar e a conversar, julgava eu. Mas quando o tom me pareceu um pouco mais engalfinhado, fiquei atenta à conversa e registei esta parte: L – Tu não comes carne como eu, não tens força. J – Mas eu sou mais nova!   Tumbas! Argumento que arruma qualquer mulher a um canto, a outra é mais nova do que nós!  …

Cerejices

Tinha tudo controlado…

30 Junho, 2016

Tinha tudo controlado. Pijamas vestidos, roupa para o outro dia arranjada, marmita feita, máquina de roupa a lavar, cozinha arrumada. Ia conseguir deitá-los cedo, antes das dez, para variar. Achava eu que eles tinham sono. Achava eu que iam adormecer num instante e poder ficar a organizar a roupa, a ver as minhas papeladas ou estar simplesmente um pouco no sofá. Mas ele não sossegava por nada, ela…

Cerejices Ir e fazer

Festejar os cinco anos das cerejinhas

7 Junho, 2016

Não se fazem cinco anos todos os anos. Bem como não se fazem seis, ou sete, ou dez ou vinte. Festejar o aniversário das minhas meninas vai ser sempre especial e enquanto conseguir, vou tentar que seja sempre ao ar livre. Tínhamos pensado em aproveitar o fim-de-semana prolongado e ir até Lisboa, e dar-lhes como prenda de aniversário a ida ao Jardim Zoológico. Ainda vi preços de estadia…

Cerejices Quero ser um bébé

Júlia

4 Junho, 2016

Sabes, filha, tens agora cinco anos de vida e eu tenho também cinco anos de existência. Porque sinto que existo mais, que sou mais eu, que sou mais completa desde que nasceste. Passei a ser mãe de gémeas quando vieste ao mundo. E fiquei muito mais feliz. A dobrar. Estás tão crescida, tão diferente. És uma menina feliz e especial. Tens sensibilidade e doçura na tua voz, encanto nas…

Cerejices Quero ser um bébé

Laura

4 Junho, 2016

Sabes, filha, tens agora cinco anos de vida e eu tenho também cinco anos de existência. Porque sinto que existo mais, que sou mais eu, que sou mais completa desde que nasceste. Passei a ser mãe quando vieste ao mundo. E fiquei muito mais feliz. Nestes cinco anos, cresceste muito. És uma criança feliz, única. Tens ternura no teu olhar, curiosidade nas palavras, paixão no pensamento, amor no toque.…

Cerejices

Cerejices #66, 67 e 68

13 Maio, 2016

Sobre “meter a mãe no lugar” O moranguito estava chatito. Não parava de choramingar, não se contentava com nada, não me deixava fazer nada. Tentei por várias vezes distraí-lo, mas ele queria voltar sempre para o meu colo. Nisto, agarrei nele, sentei-o na cama e disse Eu – Ai que miúdo irritante! L – Então se ele é irritante, porque é que quiseste ter mais um bébé.  …

Cerejices Dicas do cerejal Dicas para mães de gémeos

Estratégias para gerir um amontoado #2 – os banhos

13 Abril, 2016

Gostava que este artigo fosse sobre como sobreviver a ir a banhos ou a longos banhos numa praia paradisíaca. Mas não. É sobre estratégias para gerir um amontoado na hora do banho. Ponto 1: não dou banho todos os dias. Vá, no Verão, talvez sim. Agora e no Inverno, não dou. Lavo caras, mãos, pescoços, sovacos, pés, rabinhos e respectivas partes íntimas. No bidé. Cabelo e banho inteiro,…

Cerejices

Dois anos da cor das cerejas

28 Março, 2016

No dia em que este blog fez dois anos, não escrevi nenhum artigo. O blog nesse dia não teve visitas, não teve comentários, não teve interacção. Tinha planeado escrever, escrever muito. Porque dois anos de um blog não são quinze dias, há muita coisa escrita e dita, muita coisa partilhada e mostrada. E nesse dia, o blog esteve parado, porque o meu moranguito tinha sido diagnosticado no dia…

Instagram

Seguir